Municipalização do trânsito de Afogados da Ingazeira ocorrerá somente a partir de 2022

O prefeito de Afogados da Ingazeira, Alessandro Palmeira, e a secretária de Trânsito, Mobilidade Urbana e Transportes, Flaviana Rosa, se reuniram com uma equipe de especialistas em engenharia de trânsito para tratar do processo de municipalização.

A equipe, composta pelo pós graduado em engenharia de trânsito Elucinaldo Laurindo, pelo arquiteto urbanista Caíque Maciel, e pelo engenheiro civil David Araújo, visitou “in loco” vias públicas como a Avenidas Rio Branco e Manoel Borba, Ruas Barão de Lucena, Henrique Dias, Senador Paulo Guerra, Antônio Rafael de Freitas, 15 de Novembro, Praça Monsenhor Alfredo de Arruda Câmara, dentre outras, que concentram boa parte do volume de tráfego na cidade, com várias situações de congestionamento.

Soluções técnicas estão sendo construídas para essas e outras vias de Afogados, algumas inclusive nos bairros. Questões como sinalização vertical e horizontal, disciplinamento das vagas de estacionamento, carga e descarga, além de ações educativas, também foram debatidas. “As ações educativas serão importantes para ajudar na conscientização dos condutores em geral, minimizando os efeitos punitivos e garantindo um trânsito mais humanizado e disciplinado,” destacou Flaviana Rosa.

Por conta das restrições legais impostas pela legislação, tendo em vista a pandemia, a municipalização só poderá ser implantada a partir de 2022. Por determinação de Alessandro Palmeira, algumas das medidas já serão implantadas a partir do segundo semestre, com o início de algumas intervenções no trânsito, independente da municipalização.


Melhora nos indicadores da saúde permite flexibilizar restrições em Pernambuco

O Governo de Pernambuco informou, nesta quinta (17), que os municípios da Região Metropolitana do Recife, Zona da Mata, Agreste e parte do Sertão poderão avançar no Plano de Convivência, com horários estendidos de funcionamento de atividades e serviços. A partir da próxima segunda (21), até o dia 4 de julho, para as Macrorregiões 1, 2 e 4 o horário de funcionamento de boa parte dos setores poderá se estender até às 22h durante a semana e até às 21h nos fins de semana. Na Macrorregião 3 – que engloba as Gerências Regionais de Saúde com sedes em Arcoverde, Afogados da Ingazeira e Serra Talhada – a partir de segunda-feira, até o dia 27, as atividades econômicas poderão voltar a funcionar até às 18h, tanto nos dias de semana como aos sábados e domingos.

A secretária executiva de Desenvolvimento Econômico do Estado, Ana Paula Vilaça, explicou que entre as flexibilizações anunciadas há medidas específicas setoriais. “As academias terão de fechar às 22h durante a semana, e às 18h nos finais de semana. Além disso, museus, teatros e cinemas poderão voltar a funcionar, com limite de 30% da capacidade. Já os eventos corporativos poderão ser realizados com até 50 pessoas”, informou. O funcionamento do comércio de praia será decidido pelas prefeituras, assim como as medidas de fiscalização. A secretária esclareceu ainda que é preciso atenção máxima ao cumprimento aos protocolos para que a economia não precise sofrer novas restrições.

De acordo com o secretário estadual de Turismo e Lazer, Rodrigo Novaes, a retomada do comércio de praia nos fins de semana será um fator importante para o período de férias de julho. “Vamos trabalhar junto às prefeituras dos municípios litorâneos para que o ordenamento e a aplicação dos protocolos sejam observados nessa nova fase”, apontou.

Segundo o secretário estadual de Planejamento e Gestão, Alexandre Rebêlo, continua sendo observado em Pernambuco uma desaceleração dos indicadores da Covid-19. “Em relação aos casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), por exemplo, na Semana Epidemiológica 23, registramos uma redução de 10% em comparação à semana 22 e de 12,3% em relação à semana 21. Nas solicitações de leitos de UTI, houve redução de 16% no acumulado do Estado. A 1ª Macrorregião teve queda de 15%. O Agreste apresentou redução de 30%. A 3ª Macrorregião conseguiu reverter a tendência de alta e encerrou a semana com um cenário de estabilidade, com redução de 4%. Já a 4ª Macrorregião manteve a estabilidade, com uma leve oscilação de oito casos a mais”, analisou.

O secretário estadual de Saúde, André Longo, afirmou, por sua vez, que o número de solicitações de leitos de terapia intensiva nos primeiros quatro dias desta semana apontam para nova redução em todas as regiões. Já há uma queda de 11% na 1ª; de 28% na 2ª; 44% na 3ª; e 13% na 4ª Macrorregião. “O principal impacto destes indicadores é sentido na rede de saúde. Hoje a fila de espera por leito de UTI está zerada de maneira consolidada, além da taxa de ocupação das UTIs que, pela primeira vez em quase quatro meses, está abaixo de 90%”, disse.

André Longo atribuiu esses números, que mostram sinais de melhora, a uma série de medidas restritivas que foram intensificadas de forma progressiva, e também à vacinação e à expansão da rede de atendimento, além do impacto do final do período de sazonalidade. No entanto, ele reforçou que, apesar de estarmos colhendo frutos do esforço, o comportamento social de cada um permanece sendo determinante.

Senado aprova MP que viabiliza a privatização da Eletrobras

Agência Brasil

O Senado aprovou, ontem (17), a medida provisória (MP) que viabiliza a privatização da Eletrobras. O texto foi aprovado com 42 votos favoráveis e 37 contrários. Por ter sofrido alterações em relação ao que foi aprovado na Câmara dos Deputados, em maio, o texto volta para nova apreciação dos deputados.

A votação foi marcada pela divisão e pelos debates sobre o tema. Senadores de partidos geralmente opostos em votações polêmicas ficaram do mesmo lado. O PT e o PSDB, por exemplo, se posicionaram contrários ao texto apresentado pelo relator senador Marcos Rogério (DEM). Houve, no entanto, divisão em partidos como o MDB.

O relator ouviu sugestões ao longo do dia e acatou emendas, o que possibilitou reverter posicionamentos que até quarta (16) eram contrários à medida. “Todo o esforço feito foi para garantir a aprovação da medida provisória, com a capitalização da Eletrobras, devolvendo a ela o protagonismo no setor elétrico, a capacidade real de investimento para modernização do parque de geração e de transmissão, com foco, sobretudo, na modicidade tarifária, na redução do preço da energia”, disse o relator.

Trechos incluídos na Câmara, consideradas matérias estranhas à MP original foram mantidas no relatório de Marcos Rogério. Dentre eles está o dispositivo que obriga o governo federal a contratar, por 15 anos, energia gerada por usinas termelétricas para as regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste. O relator adicionou à lista a região do Triângulo Mineiro. A energia termelétrica é mais cara e isso provocou divergências mesmo entre senadores favoráveis à política de privatização de estatais.

Alguns senadores defenderam que a contratação de energia de termelétricas vai encarecer a conta de luz do brasileiro. “Toda essa cota vai operar a uma tarifa maior do que a do leilão. Portanto, a tarifa vai subir, mesmo que na conta de desenvolvimento energético sejam colocados alguns bilhões lá. A conta de luz vai subir. Essa é a realidade dessa MP”, argumentou Jean Paul Prates (PT).

O senador Marcos Rogério também manteve pontos que regulam leilões de energia e dispõem sobre obrigações das empresas estatais que precisarão ser criadas para a administração da usina de Itaipu e do setor de energia nuclear, que, por determinação constitucional, devem ficar sob controle da União.

Dentre as alterações feitas pelo relator em relação ao texto aprovado pelos deputados, está o aumento da contratação obrigatória de usinas termelétricas movidas a gás natural inflexíveis de 6.000 Megawatt (MW) para 8.000 MW. Ele também inseriu um dispositivo que limita a 1% o máximo de ações que poderá ser adquirido pelos funcionários da Eletrobras.

Para atender a bancada de Roraima, em um movimento que garantiu votos favoráveis ao seu relatório, Marcos Rogério acrescentou um dispositivo que garante a continuidade da interligação de Roraima ao Sistema Interligado Nacional (SIN). Roraima é o único estado do país não integrado ao SIN e, por isso, parte de sua energia é comprada da Venezuela, com quem faz fronteira.

Outra alteração na MP impede que as sedes das subsidiárias da Eletrobras – Chesf, Furnas, Eletronorte e CGT Eletrosul – sejam extintas, fundidas ou tenham o domicílio modificado no prazo de dez anos.

Os deputados voltam a apreciar a MP e caso sejam feitas novas alterações o texto retorna ao Senado. Uma medida provisória precisa ter o mesmo texto aprovado nas duas casas. A MP da Eletrobras precisa ter sua aprovação concluída na próxima terça (22), último dia antes de perder a validade.


Afogados da Ingazeira e Carnaíba registram novas mortes por Covid-19

Os municípios de Afogados da Ingazeira e Carnaíba voltaram a registrar mortes por Covid-19 nesta quinta (17).

Em Afogados da Ingazeira, a vítima foi um paciente do sexo masculino de 83 anos. Segundo a Secretaria de Saúde, ele possuía comorbidades e estava internado no Hospital Regional Emília Câmara. A morte ocorreu no último dia 14.

A Secretaria de Saúde de Carnaíba informou que o óbito confirmado no município estava em investigação. A vítima foi uma paciente do sexo feminino de 32 anos. Não foi informado se ela possui comorbidades.

Com os novos registros, Afogados da Ingazeira soma 67 óbitos pela doença, enquanto que Carnaíba tem 35.

TCE julga ilegais contratações da Secretaria de Educação do Estado

A Primeira Câmara do Tribunal de Contas julgou ilegais 317 contratações temporárias para o exercício de diversas funções, realizadas pela Secretaria de Educação de Pernambuco no 3º quadrimestre de 2018. A relatoria do processo (TC nº 1924304-2) foi do conselheiro substituto Adriano Cisneiros.

A decisão foi motivada por irregularidades encontradas pelos auditores do TCE nos atos das contratações. De acordo com o relatório técnico, as contratações não atenderam aos requisitos estabelecidos pela Constituição Federal que consagra o concurso público como regra geral para a investidura de cargo público no país.

Além disso, as admissões aconteceram no período de três meses antes do último pleito eleitoral, afrontando a legislação que proíbe o aumento de despesas nos últimos 180 dias de mandato eletivo (Lei de eleições e Lei de Responsabilidade Fiscal).

O relator destacou ainda que, na época, o percentual de despesas com pessoal em relação à Receita Corrente Líquida era de 46,55% e se encontrava acima do limite prudencial, o que é vedado pelo artigo 22 da LRF.

A gerente geral de Desenvolvimento de Pessoal e Relação de Trabalho da SEE, Elizabeth Cavalcanti Jales, afirmou em sua defesa que apesar do serviço público de educação possuir caráter permanente, ele não impossibilita a existência de funções temporárias que atendam ao excepcional interesse público para a continuidade do ensino regular e de projetos especial da educação e que as 317 nomeações analisadas pelo TCE serviriam para a reposição temporária de professores do estado e para o funcionamento do Programa Nacional de Inclusão de Jovens.

Entretanto, o relator, Adriano Cisneiros, levou em conta que a prática vem sendo adotada de forma reincidente para suprir demandas permanentes do serviço público estadual e que várias dessas contratações foram analisadas e julgadas ilegais, na maioria dos casos, pelo Tribunal de Contas.


São José do Egito antecipa feira livre para esta sexta

A Prefeitura de São José do Egito decretou a antecipação da feira livre de sábado (19) para esta sexta (18). A medida foi adotada levando em consideração determinações do Governo do Estado.

O decreto também mantém o fechamento do comércio não essencial no fim de semana. Fica permitida a abertura somente de postos de combustíveis, farmácias e unidades de saúde. A venda via entrega em domicílio está autorizada, desde que respeitadas as normas sanitárias.

“Continuam proibidas, por prazo indeterminado, a realização de quaisquer atividades festivas e/ou esportivas no território do município de São José do Egito, inclusive jogos e treinos de futebol, vaquejadas e bolões de vaquejada, como também a comercialização de bebida alcoólica”, diz o decreto.

Ainda consta no decreto, a proibição do acendimento de fogueiras na zona urbana ao longo do mês de junho. O mesmo vale para distritos e povoados.

Pernambuco zera fila de espera por leitos de UTI

O governador Paulo Câmara informou, em pronunciamento nesta quinta (17), que pela primeira vez em quatro meses a ocupação de leitos de Unidade de Terapia Intensiva – UTI ficou em 87%, zerando a fila de espera por vagas de UTI no Estado. Ele enfatizou que esse resultado é fruto de uma série de medidas restritivas intensificadas a partir de 7 de dezembro de 2020, além do avanço da vacinação e da expansão da rede de UTIs em Pernambuco, que hoje é a maior das regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste.

“Temos um longo caminho pela frente até chegarmos ao patamar de retomada que estamos vendo nos Estados Unidos e em alguns países da Europa. Estamos avançando no Plano de Convivência, mas não é hora de relaxar os cuidados”, salientou Paulo Câmara.

O governador reforçou que a população continue usando máscara, evitando aglomerações e ajudando as pessoas que ainda não se vacinaram, embora já tenha chega a sua vez, a marcarem a imunização. “É muito importante observar o calendário e tomar a segunda dose da vacina. Vamos fazer um grande esforço, em parceria com os municípios, para completar a imunização de quem só recebeu a primeira dose”, finalizou.

Prefeitura de Carnaíba monta fábrica de intertravados

A Prefeitura de Carnaíba montou uma fábrica de intertravados e blocos de cimento. O investimento com o maquinário e galpão ficou em cerca de R$ 30 mil. A fábrica terá capacidade para produzir cerca de 24 mil tijolos por mês. Isso equivale em torno de 500 metros quadrados de ruas calçadas.

Inicialmente, os intertravados terão como destino o Bairro da Bela Vista. “Com essa produção daremos início ao calçamento das ruas no Bela Vista, reduzindo o custo e dando mais agilidade a esses serviços, assim avançaremos ainda mais no calçamento das ruas”, afirmou o prefeito Anchieta Patriota.

Para o secretário de Infraestrutura e Serviços Públicos, Tiago Arruda, a construção com intertravados também economiza tempo. “Se com o calçamento comum uma obra levava um mês, com o intertravado só leva 15 dias, até porque também não precisa esperar secar, pois não utiliza cimento, terminando a rua, já pode ser utilizada”, afirmou o secretário.


Bancários de Pernambuco paralisam atividades por 24h nesta sexta

Os bancários de Pernambuco realizam uma “Greve pela Vida”, nesta sexta (18), com paralisação de 24h das atividades, para cobrar aos governantes a inclusão da categoria bancária como prioridade na vacinação contra a Covid-19. A decisão foi aprovada por 95% dos votos em assembleia realizada no início desta semana, após o Governo do Estado não atender ao pleito da categoria, desconsiderando o crescimento exponencial dos casos de Covid-19 entre bancários em Pernambuco, com registros de mortes.

A programação do dia de luta dos bancários começa com o fechamento de agências bancárias, e prevê também uma mobilização nas redes sociais com uso da #GrevePelaVida, às 11h, e a realização da Marcha dos Bancários de Pernambuco pela Vacinação, às 16h. A passeata sairá da Agência Caixa – Boa Vista rumo ao Palácio do Governo do Estado.

Os bancários foram considerados trabalhadores essenciais durante a pandemia pelo Decreto 10.282/2020 e não pararam de trabalhar, garantindo o pagamento do auxílio emergencial, INSS, seguro-desemprego, liberação de crédito, entre outros serviços. Entretanto, não foram incluídos no Plano de Imunização.

Por serem enquadrados como serviço essencial, os bancários irão garantir 30% dos serviços durante a paralisação, para atender à população mais vulnerável, como é o caso de idosos que precisam realizar prova de vida.

No Estado, a categoria é composta por cerca de 11 mil bancários, com concentração de mais de 6 mil bancários no Recife. Cerca de 60% dos bancários do Estado ainda não foram contemplados pela vacinação por faixa etária, pois têm menos de 40 anos. Desta forma, a categoria segue exposta à contaminação, trabalhando em agências superlotadas e, inclusive, colocando em risco também toda a população que precisa dos serviços bancários.

Marconi Santana comemora ampliação do horário de autoatendimento do Banco do Brasil

O autoatendimento do Banco do Brasil de Flores foi ampliado. Agora, os serviços serão ofertados aos clientes das 7h às 19h, de segunda a domingo. O mesmo acontecerá nos feriados.

“Trago a boa notícia, que os terminais de autoatendimento da Agência do Banco do Brasil vão funcionar das 7h às 19h; durante todos os dias da semana, sábado, domingo e feriados. A ampliação deste serviço, tão importante para o fomento da economia da nossa cidade é fruto de nossas idas a Brasília, Recife e o apoio da nossa amiga Lívia – Gerente de Operação da Agência Local. Acrescento ainda, que com ampliação dos horários estaremos evitando aglomerações e reforçando nossas ações contra covid-19”, disse prefeito Marconi Santana.

O novo horário do autoatendimento da agência do Banco do Brasil já começa a ser praticado nesta quinta (17).

MPPE recomenda a não realização de manifestações pró e contra Bolsonaro no Recife

Considerando a atual conjuntura da pandemia da Covid-19 no Estado de Pernambuco e em razão da divulgação da realização de manifestações populares marcadas para os dias 19 e 20 de junho, o Ministério Público de Pernambuco (MPPE) expediu simultaneamente recomendações aos grupos organizadores que se abstenham de qualquer tentativa de aglomeração, em respeito às normas sanitárias para prevenção de contágio devido à pandemia de Covid-19.

Pelos atos de sábado (19), foram notificados da Recomendação nº 02/2021 os integrantes das Frentes Povo sem Medo e Brasil Popular, da Rede Nacional de Médicas e Médicos Populares, do Partido dos Trabalhadores (PT), do Partido Socialismo e Liberdade (PSOL), da Central Única dos Trabalhadores (CUT), da União Nacional dos Estudantes (UNE) e da União dos Estudantes de Pernambuco (UEP), bem como as demais entidades sindicais e movimentos sociais que estão convocando a população, por meio das redes sociais, a participar de manifestação presencial no próximo 19 de junho, às 9h, com concentração na Praça do Derby.

Em relação aos atos de domingo (20), a Recomendação nº 03/2021 foi dirigida aos integrantes do Grupo Aliança por Pernambuco, bem como aos demais grupos ou movimentos que estão convidando para a motociata em 20 de junho, às 10h, com saída do Parque Dona Lindu, em Boa Viagem, em direção ao Centro de Convenções, em Olinda. Foi determinada a remessa de cópia da Recomendação nº 03/2021 ao Ministério Público Federal (MPF) para conhecimento e adoção das medidas cabíveis, diante da notícia da suposta participação do presidente da República na manifestação.

As recomendações ministeriais ressaltam a gravidade do momento e transcrevem números do estágio atual da pandemia do coronavírus em Pernambuco, com 3.622 casos da Covid-19 e 72 óbitos confirmados em 15 de junho de 2021, bem como taxa de ocupação dos leitos de UTI em 93%, segundo dados da Secretaria Estadual de Saúde.

A 34ª Promotoria de Justiça de Defesa da Cidadania, com atuação na Promoção da Saúde da Capital destaca ainda que, entre as medidas de enfrentamento admitidas pela Lei nº 13.979/2020 para prevenção ao Covid-19, estão previstos: o isolamento, a quarentena, o uso de máscaras em locais abertos e fechados, assim como a não aglomeração de pessoas. A decretação dessas medidas pelos estados e municípios deve ser imposta na dose necessária para evitar a propagação da pandemia, sempre com fundamento em evidência científica e em análise sobre informações estratégicas em saúde (art. 3º,§ 1º).

As recomendações reforçam que a adoção de tais medidas não se trata de faculdade, mas de poder-dever atribuído à Administração Pública, a ser concretizado na vida em sociedade em dosagem suficiente para evitar, segundo evidências científicas e análises estratégicas em saúde, o alastramento acelerado da doença, impedindo, assim, o colapso do sistema de saúde planejado para o atendimento médico dos infectados.

O MPPE ainda lembrou o teor do Decreto Estadual nº 50.846, de 11 de junho de 2021, que determina no art. 25: “Permanece vedada no Estado a realização de shows, festas, eventos sociais e corporativos de qualquer tipo, com ou sem comercialização de ingressos, em ambientes fechados ou abertos, públicos ou privados, inclusive em clubes sociais, hotéis, bares, restaurantes, faixa de areia e barracas de praia, independentemente do número de participantes”. Assim, não é permitida, pelo referido decreto, neste momento, a realização de manifestação presencial.


Itapetim inicia agendamento para novo grupo prioritário de 45 a 49 anos

Nesta quarta (16), Itapetim alcançou 36,02% da população vacinada contra a Covid-19.

De acordo com a prefeitura, foram aplicadas até agora 6.616 doses, sendo 4.787 pessoas contempladas com a 1ª dose e 1.829 itapetinenses já imunizados com a 2ª dose.

A partir desta quinta (17), terá início o agendamento para vacinação de novo grupo prioritário na faixa etária de 45 a 49 anos. Para agendar, basta procurar as unidades básicas de saúde da sede, dos distritos e da zona rural, levando o cartão do SUS e o CPF.

Prefeitura e Ministério Público irão disciplinar venda de fogos de artifícios em Afogados

Será liberada, a partir da próxima sexta (18), a comercialização de fogos de artifício em Afogados da Ingazeira. A venda poderá ocorrer no campo do nascente, das 7h às 20h. A Prefeitura irá instalar iluminação e banheiro químico no local. Está proibida a venda de fogos de grande potencial de estampido.

De acordo com MP e Prefeitura, os comerciantes deverão assegurar a disponibilização de álcool em gel, distanciamento entre os clientes e extintores, estando igualmente sujeitos à fiscalização da vigilância.

Outra medida que anunciamos é a proibição de acendimento de fogueiras na zona urbana. Na zona rural, tendo em vista o maior espaçamento entre as casas, o acendimento de fogueiras será permitido.

Abusos e infrações às normas podem ser denunciados pela população através do telefone 87 9.9997.0065.

Serra Talhada libera cadastro para vacinação contra a Covid-19 do público de 40 a 49 anos

A Secretaria de Saúde de Serra Talhada liberou o cadastramento do público em geral sem comorbidades de 40 a 49 anos para vacinação contra a Covid-19.

A vacinação do novo público e dos demais já cadastrados está agendada para sexta (18) e sábado (19). No primeiro dia, a vacinação ocorrerá nas unidades de saúde da zona urbana, PNI e unidades de Tauapiranga, Fazenda Nova, Jardim, Bernardo Vieira e Varzinha. No sábado, será a vez das unidades de saúde da zona urbana, PNI e unidades de Caiçarinha, IPA, Luanda, Santa Rita e Varzinha.

O cadastramento é realizado através do VacinaSerra, no endereço eletrônico https://transparenciagov.com.br/minhavacina/serra-talhada/.


Jovem vítima de disparo de arma de fogo acidental é sepultada sob forte comoção em Tabira

Familiares e amigos se despediram na manhã desta quinta (17) da jovem Mikaele. O sepultamento ocorreu no Cemitério Público de Tabira sob forte comoção.

Mikaele tinha 21 anos e faleceu na última terça (15) após ser atingida por um disparo de arma de fogo efetuado acidentalmente pelo próprio irmão. A Polícia Civil informou que o irmão estaria mostrando a arma para a vítima no momento em que ocorreu o acidente.

A jovem chegou a ser encaminhada ao Hospital Municipal, porém não resistiu.

Governo de Pernambuco divulga edital para contratação de 1.575 profissionais de saúde

O Governo de Pernambuco publicou, nesta quarta (16), no Diário Oficial do Estado (DOE), o edital da seleção pública simplificada com 1.575 vagas para trabalhadores de saúde.

Segundo o governo estadual, o objetivo da contratação temporária é ampliar e qualificar as ações de assistência à emergência em saúde ocasionada pela pandemia do novo coronavírus.

Ao todo, há 507 vagas para médicos, 248 para diversas profissões de nível superior (analista em saúde) e 820 de nível técnico (assistente em saúde). As inscrições começam na quinta (17) e seguem até o domingo (20) exclusivamente pelo selecionases.saude.pe.gov.br. Mais informações podem ser encontradas no portal.saude.pe.gov.br.

“A contratação desses novos profissionais proporcionará um incremento na rede de assistência voltada para aos atendimentos de casos suspeitos e confirmados para Covid-19 em todas as regiões do Estado”, alega a Secretaria Estadual de Saúde de Pernambuco.

As especialidades médicas que serão chamadas neste edital são cardiologia (adulto e pediátrico), cirurgia geral (adulto e pediátrico), cirurgia vascular, clínico geral, infectologia, médico intensivista (adulto e pediátrico), neonatologista, pediatra, radiologia e diagnóstico por imagem, médico regulador, tocoginecologista e traumato-ortopedista.

Também há vagas disponíveis para assistente social, biomédico, enfermeiro (assistencial, obstetra, uteísta e regulador), engenheiro de segurança do trabalho, farmacêutico, fisioterapeuta (em terapia intensiva e respiratório), fonoaudiólogo, nutricionista, psicólogo, terapeuta ocupacional, entre as profissões de nível superior; e técnicos de enfermagem, laboratório e farmácia, entre os de nível técnico.

A seleção pública será realizada em etapa única, de caráter classificatório e eliminatório, e consiste em análise curricular dos inscritos. De acordo com o edital, não será permitida a participação de candidatos com mais de 60 anos de idade, gestantes, puérperas ou aquelas pessoas que se enquadrem em outro grupo de risco de aumento de mortalidade pela covid-19. O resultado preliminar será divulgado no dia 05 de julho e o final em 09 de julho no portal.saude.pe.gov.br.

Bandidos invadem e roubam joalheria no Centro de Serra Talhada

G1 Caruaru

A Polícia Civil está procurando dois homens suspeitos de roubar uma joalheria no Centro de Serra Talhada, na manhã desta quarta (16).

De acordo com o dono da loja, os bandidos levaram várias mercadorias, entre relógios e joias. O valor total do prejuízo ainda não foi divulgado.

Ninguém foi preso até o momento.


Erick Lessa se reúne com novo superintendente da Polícia Federal

O deputado estadual Erick Lessa se reuniu com o novo superintendente da Polícia Federal em Pernambuco, o delegado Daniel Grangeiro de Souza. A reunião ocorreu na sede da Superintendência Regional da instituição, em Recife, na tarde desta quarta (16). Foram abordados assuntos referentes a formas de integrar os vários setores da sociedade para garantir mais segurança pública no estado.

Entre outros tópicos, foi debatido o fortalecimento das guardas municipais como instrumento de segurança pública. O secretário executivo do Consórcio Intermunicipal de Segurança Pública e Defesa Social de Pernambuco (Conseg/PE), Alex Monteiro, que também é secretário de Ordem Social em Toritama, participou do encontro. Ele apresentou detalhes sobre o projeto do Conseg/PE, que integra municípios de várias regiões e tem como foco ampliar a atuação das guardas municipais.

Para o deputado Erick Lessa, a integração entre diversos atores é fundamental para a eficiência da segurança pública. “O objetivo principal da segurança é preservar a vida e a incolumidade das pessoas e do patrimônio. Esses são princípios que buscam uma cultura de paz e segurança cidadã, com base na Constituição Federal”, mencionou o parlamentar, que faz parte da  Comissão de Segurança Pública e Defesa Social da Assembleia Legislativa de Pernambuco.

Eriberto Medeiros trata de recuperação de rodovias com secretária de Infraestrutura

O deputado Eriberto Medeiros (PP) recebeu a secretária de Infraestrutura, Fernandha Batista, na presidência da Assembleia Legislativa, na noite da última terça (16), para tratar da recuperação da PE-158, no entorno de Jurema, e das rodovias PE-132 e PE-123, em Lagoa dos Gatos. A secretária irá aos municípios, fazer vistoria, para garantir a realização das obras.

No encontro, a secretária também tratou do reinício da construção da PE-088, que liga Salgadinho a João Alfredo. Fernandha vistoriou essa obra, junto com sua equipe, na tarde da terça-feira. “Com essas ações, vamos atender ao anseio da população que transita na localidade”, afirmou o deputado.

Eriberto visitou recentemente os prefeitos de Lagoa dos Gatos, Stênio Fernandes, e de Jurema, Branco de Geraldo, que defendiam esse pleito da recuperação das rodovias. Na ocasião, ele conversou com os moradores, constatou a situação, gravando vídeos que mostravam os trechos esburacados das estradas, firmando compromisso de articular as obras.

Gonzaga Patriota comemora ritmo acelerado das obras da Transnordestina

O deputado federal Gonzaga Patriota (PSB) comemorou a boa notícia dada pelo ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas, sobre o retorno das obras da Transnordestina.

O socialista é autor do Projeto de Lei nº 1125/1988, que incluiu a ligação ferroviária de Pernambuco na relação descritiva das ferrovias do Plano de Viação, instituído pela lei nº 5917, de 10 de setembro de 1973, incluindo a ligação Salgueiro-Araripina denominada Ferrovia do Gesso.

Tarcísio Freitas informou que as obras estão em ritmo acelerado no Ceará e que serão retomadas em Pernambuco.


Sertânia já cadastra pessoas acima de 40 anos para vacinação da Covid-19

Sertânia abriu, nesta terça (15), o cadastro da vacinação contra a Covid-19 para pessoas com idade a partir de 40 anos. Esse processo deve ser feito no site https://sertaniavacina.imunizape.com.br/ ou no aplicativo “SertâniaVacina”, que está disponível para Android. Para fazer o cadastro, é preciso anexar imagem da identidade e comprovante de residência.

O município agora espera a chegada de mais vacinas para imunizar com a primeira dose esse público, ou seja, o agendamento ainda não está liberado. Sertânia já está vacinando pessoas a partir de 50 anos. Até sexta-feira (11/06), foram aplicadas 12.921 doses de vacina contra a Covid-19.

“Quando as vacinas chegam a nosso município articulamos imediatamente para que as doses sejam aplicadas na população e com esse planejamento estamos conseguindo avançar na imunização em Sertânia. O nosso principal objetivo é diminuir o número de casos da Covid-19 e principalmente de óbitos. O trabalho é para que possamos sair logo dessa pandemia”, disse a secretária de saúde, Mariana Araújo

“Pernambuco é bom de cobrar imposto, mas deve muito na hora de cuidar da população”, diz Miguel Coelho

Um relatório divulgado pelo Banco Mundial, nesta terça (15), mostra que Pernambuco é o pior estado para se fazer negócios no Brasil. O levantamento avalia aspectos que facilitam as condições para abertura e manutenção de empresas. Diante do péssimo desempenho, o prefeito Miguel Coelho criticou a falta de liderança e projetos para recuperar a economia estadual.

Secretário-geral da Frente Nacional dos Prefeitos, Miguel relata que os dados são percebidos no dia a dia dos pernambucanos de todas as regiões. Além disso, reforçam a avaliação apresentada em outros estudos econômicos que colocam o estado pernambucano em uma situação crítica. Miguel lembra que, recentemente, Pernambuco bateu recorde de desocupação nos empregos; registra o menor montante de investimentos públicos entre os estados nordestinos; e tem um dos piores indicadores em burocracia e competitividade no País.

Para o prefeito, o conjunto dessas informações comprova que o atual projeto político liderado pelo PSB está sem rumo e não oferece esperança para a população. Miguel acredita, portanto, ser urgente que lideranças políticas, acadêmicas e outros setores da sociedade discutam a reconstrução de Pernambuco para evitar um colapso social. “Pernambuco perdeu as condições de ser atrativo, de gerar esperança e empregos. Hoje, o nosso estado é um dos que mais cobra impostos em todos os setores. Então, Pernambuco é muito bom para cobrar imposto, mas deve muito na hora de cuidar da população. Precisamos fortalecer esse debate para nos unirmos e encontrarmos uma solução que supere esse momento difícil”, defende Miguel.

Itapetim confirma a 28ª morte por Covid-19

A Secretaria de Saúde de Itapetim atualizou, na tarde desta quarta (16), o boletim epidemiológico com números da Covid-19 no município.

Conforme a secretaria, nas últimas 48 horas foram confirmados mais 12 casos da doença. As pessoas que testaram positivo não tiveram detalhes divulgados.

Além disso, houve a confirmação de um novo óbito em decorrência de complicações da doença. Também não foram divulgadas informações da vítima, assim como do local e data da morte.

Itapetim tem 1.164 infecções pela Covid-19. Dessas, 1.079 pacientes estão recuperados e 57 estão em recuperação. Os óbitos são 28.

O município ainda conta com 340 casos em investigação. O número chama atenção por ser muito superior ao de Serra Talhada e Afogados da Ingazeira, que são as duas cidades mais populosas da região. Ontem (16), a Capital do Xaxado tinha 81 casos suspeitos, enquanto que Afogados somava 7.


Prefeitos são multados por falta de plano para eliminar lixões

A Primeira Câmara do Tribunal de Contas homologou quatro Autos de Infração contra os prefeitos de Orocó, Salgadinho, Santa Maria da Boa Vista e Macaparana. Os gestores não encaminharam ao TCE o Plano de Ação, previsto pelo artigo 54 da Lei Federal nº 12.305/2010, para adequar o destino final dos resíduos sólidos urbanos e eliminar os chamados “lixões” naquelas localidades. A relatoria é do conselheiro Carlos Neves.

Em Orocó, o relator levou em conta que o prefeito George Guedes Cavalcante Nery descumpriu o Acórdão TC nº 960/2019. Em relação aos municípios de Salgadinho e Santa Maria da Boa Vista, os prefeitos José Soares da Fonseca e Humberto Cesar de Farias Mendes não atenderam, respectivamente, aos Acórdãos TC nº 866/2019 e TC nº 864/2019. No caso do prefeito de Macaparana, Maviael Cavalcanti, o descumprimento foi em relação ao Acórdão TC nº 983/2019.

As quatro decisões estabeleceram um prazo de 90 dias para que o documento fosse apresentado ao TCE, o que não aconteceu.

Apenas o prefeito de Macaparana apresentou defesa, justificando que a não elaboração do Plano de Ação se deu por conta de dificuldades financeiras e entraves burocráticos, além da priorização dos setores ligados à saúde pública do município, envolvidos no combate à pandemia de Covid-19. Maviael Cavalcanti alegou ainda que teria adotado medidas para a solução do problema ambiental, dentre as quais a realização de um curso para capacitação de catadores e de um levantamento sobre as famílias ainda em atividade no lixão e sobre as atividades ambientais desenvolvidas nas escolas municipais.

Ministério da Saúde recebe mais 1 milhão de doses da Coronavac

O Instituto Butantan entregou hoje (16) ao Ministério da Saúde um lote de um milhão de doses da vacina Coronavac contra Covid-19. Essa remessa é parte das 5 milhões de doses previstas para serem liberadas ao longo do mês de junho para o Programa Nacional de Imunizações (PNI). As doses entregues já contemplam o segundo contrato firmado com o Ministério da Saúde, de 54 milhões de vacinas. O primeiro, de 46 milhões, foi cumprido no dia 12 de maio.

O novo lote de 5 milhões de doses está sendo produzido a partir dos 3 mil litros de ingrediente farmacêutico ativo (IFA) recebidos no dia 5 de maio. Desse total, já houve a liberação de 2,8 milhões de vacinas desde o dia 11, quando foram entregues 800 mil doses e, no dia 14, mais 1 milhão. 

Segundo o Butantan, o envase da matéria-prima foi iniciado no dia 27 e terminou na madrugada do dia 30. Parte das doses já envasadas está em outras etapas do processo produtivo, como inspeção de controle de qualidade. O Butantan informou, ainda, que até o fim de junho receberá um novo lote de 6 mil litros de IFA para a produção de mais 10 milhões de doses.

Ainda de acordo com o Butantan, com a entrega de hoje, já foram fornecidas ao PNI  50,012 milhões de doses desde 17 de janeiro, quando o uso emergencial do imunizante foi aprovado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).