Prefeitura de Sanharó decreta estado de emergência em decorrência das chuvas

A Prefeitura de Sanharó decretou estado de emergência em decorrência das fortes chuvas que caíram na cidade na noite de ontem (2). Em apenas seis horas, foram registrados 288 mm de chuvas, o que provocou alagamentos em várias ruas, principalmente no Bairro do Salgado. O número total de desabrigados ainda está sendo levantado, assim como os prejuízos materiais causado pelas águas.

De acordo com a Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac), também choveu forte em vários municípios do Agreste e Sertão. Ainda segundo os serviços de meteorologia, as chuvas caídas em Sanharó foram as maiores registradas no Brasil nas últimas 24 horas e uma das maiores do País em todos os tempos. O volume foi duas vezes maior do que o registrado na cidade de Lapão, na Bahia que foi de 145 mm.

“Uma equipe, formada por integrantes de várias secretarias, está coordenando o apoio às famílias que tiveram suas casas invadidas pelas águas. Os desabrigados estão sendo acolhidos no Ginásio Poliesportivo Iraldemir Aquino de Freitas, o Iralzão, e na Escola Amaro Soares”, informou a Prefeitura.

Colchões, lençóis, comida não perecível, água mineral e roupas podem ser entregue no Iralzão ou na Escola Amaro Soares.

Deixe uma resposta