Adagro e Sebrae apoiam projeto de beneficiamento de leite em Serra Talhada

A Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária de Pernambuco (Adagro) e a Unidade Sebrae de Serra Talhada apoiam e orientam as iniciativas de regularização das agroindústrias de beneficiamento de derivados de leite. Nesta quarta (16), o presidente da Adagro, Paulo Roberto Lima, e a coordenadora de Projetos do Sebrae, Raquel Silva, entregaram o projeto arquitetônico de uma nova unidade de beneficiamento que está vinculada à Cooperativa dos Produtores Rurais de Luanda (COOPAL).  

O documento foi entregue ao presidente da COOPAL, Givaldo Magalhães, na presença das equipes da Adagro, do Sebrae e de representantes da cooperativa. A nova unidade terá capacidade de beneficiamento de 20 mil litros de leite de gado e cabra por dia. A meta é beneficiar até 500 famílias produtoras do distrito de Luanda e de comunidades localizadas em um raio de até 150 quilômetros.

“A ideia é produzir manteiga, queijo de coalho e de manteiga, requeijão, doce de leite, bebida láctea, iogurte e leite pasteurizado dentro dos parâmetros legais. Um projeto como este fortalece a economia local, pois gera emprego e renda para a região e para os produtores”, afirma o presidente da Adagro Paulo Roberto Lima.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.