Buscas por suspeito de assassinar duas jovens chegam ao 5ª dia em Glória do Goitá

A operação conjunta para localizar Edson Cândido Ribeiro, suspeito de matar duas jovens em Glória do Goitá, na Zona da Mata de Pernambuco, chegou ao quinto dia nesta sexta-feira (4). A Polícia Militar manteve uma equipe junto à casa da família dele para garantir a segurança dos parentes, após a casa da mãe ter sido invadida, na quinta (3).

Durante a madrugada desta sexta, a Polícia Civil recebeu uma ligação com a possível localização do homem e enviou uma equipe ao local. No entanto, ele não foi encontrado.

Edson, de 35 anos, já teve passagem pelo sistema penitenciário por estupro. Ele é procurado desde a segunda (31), quando houve o estupro e assassinato a facadas de Jailma Muniz da Silva, de 19 anos. Além da morte de Jaílma, Edson é suspeito do homicídio de Kauany Mayara Marques, 18, encontrada sem vida na terça (1), em um bueiro da cidade.

A população tem ajudado às autoridades nas buscas, que contam com muitos policiais, drones, carros, motos e um helicóptero, mudando a rotina da pacata cidade. As buscas foram intensificadas na quinta (3) após moradores dizerem que Edson teria sido visto na zona rural do município, onde também morava com a mãe.

A polícia também investiga se é Edson quem aparece em um vídeo de câmeras de segurança perseguindo uma mulher na madrugada de segunda (31). A empregada doméstica Marinalva Santos conseguiu fugir e registrou queixa na delegacia.

Um mandado de prisão temporária foi expedido pela Comarca de Glória de Goitá, que também autorizou a divulgação oficial da imagem de Edson.

G1 PE



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.