Escolas de Agrestina recebem melhorias após assinatura de TAG

A Primeira Câmara do TCE analisou, na última terça (6), o objeto de um Termo de Ajuste de Gestão (TAG) firmado com o prefeito de Agrestina, Josué Mendes da Silva, para a melhoria da infraestrutura de cinco unidades de ensino da rede pública. Formalizado em agosto do ano passado, o processo ficou sob a relatoria do conselheiro Carlos Porto. 

A assinatura do TAG decorreu das irregularidades verificadas durante fiscalização do Tribunal de Contas. No documento, foram estabelecidos prazos e obrigações para a adequação das instalações das escolas municipais de Nossa Senhora de Lourdes, São Rafael, Haydeia Pinheiro, Santa Glória e São Luís, localizadas em Agrestina.

Entre as medidas a serem adotadas pelo município estavam, a garantia de acessibilidade para pessoas em cadeira de rodas ou com mobilidade reduzida em todas as dependências da escola, o revestimento de paredes e pisos de cozinhas e banheiros com material liso, impermeável e lavável, a revisão das instalações elétricas, além da requalificação da estrutura de sustentação da coberta e da pintura dos prédios. Os prazos variaram de 60 a 180 dias.

Após vistorias realizadas no município, de acordo com o voto, foi constatado que “a Prefeitura de Agrestina, através de ações planejadas, assumiu as obrigações inscritas no termo e as cumpriu integralmente”.

Portanto, o processo foi julgado regular, por unanimidade, na Primeira Câmara, com votos dos conselheiros Marcos Loreto (presidente da Câmara) e Valdecir Pascoal. Eliana Lapenda representou o Ministério Público de Contas na sessão.

Homem é preso suspeito de matar namorada grávida por asfixia e enterrar corpo em Agrestina

Um homem foi preso na noite do sábado (27) suspeito de matar a namorada, que estava grávida, por asfixia, em Agrestina. Em seguida, o criminoso enterrou o corpo de Shirlly Maclane Melo Barros, de 32 anos, em um matagal. De acordo com o delegado Eric Costa, ele usou um fio de secador para cometer o crime e, em seguida, registrou o desaparecimento dela na delegacia.

“O desaparecimento de Shirlly foi notado pela família poucas horas depois do crime e logo noticiado à Polícia Civil, na manhã seguinte ao fato”, conforme informou a Polícia Civil. A vítima não era vista desde a sexta (26). A polícia analisou imagens de câmeras de segurança, que flagraram o suspeito saindo da casa da namorada, local onde o crime foi cometido.

Após a análise, buscas foram feitas e o criminoso foi encontrado bebendo em um bar, segundo a Polícia Civil. Os policiais o convidaram a retornar à delegacia e, no local, ele confessou que havia cometido o crime e contou detalhes de como o caso aconteceu. Ele foi autuado em flagrante por feminicídio.

G1 Caruaru

Oposição fecha com Clodoaldo e Marcantonio em Agrestina

Os deputados Clodoaldo Magalhães e Mancantonio Dourado Filho receberam oficialmente o apoio do grupo de oposição da cidade de Agrestina, no Agreste pernambucano. O grupo abraçou esse projeto político para 2022 por acreditar no trabalho que ambos têm realizado no Estado.

“Nos últimos anos, destinamos emendas importantes que muito ajudaram a região do Agreste. E Agrestina também foi contemplada. A cidade recebeu do nosso mandato 70 mil em emendas para realização de serviços de pavimentação, em 2019”, pontuou Clodoaldo.

Os políticos desejam desenvolver um trabalho que finque raizes na cidade. “Ao lado de Clodoaldo, vamos implantar parceria importante para o desenvolvimento de Agrestina. Um na esfera federal e outro na estadual, juntando forças para representar da melhor forma possível o município. Vamos fazer história”, confirmou Marcantonio.

Fazem parte da oposição de Agrestina os vereadores João Leite e Aparecido, Valéria (ex-vereadora e agora suplente), Pivole (suplente de vereador), Janailson (filho do ex-vereador Sinval Monteiro), além das lideranças Carlos de Tião, Marcelo de Santa Tereza, Leleu, Irmão Carlinhos, Tonho de Rosa e Alfredo.

Rolar para o topo