Marília mantém liderança na corrida pelo Governo de Pernambuco, aponta pesquisa Ipec

Pesquisa Ipec divulgada nesta terça (30), encomendada pela Globo, mostra que Marília Arraes (Solidariedade) se manteve na liderança da disputa, com 33% das intenções de voto para o governo de Pernambuco, mesmo percentual apresentado no levantamento anterior do instituto, em 15 de agosto.

Em seguida, vêm Raquel Lyra (PSDB), com 12%; Anderson Ferreira (PL), com 11%; Miguel Coelho (União Brasil), com 9%; e Danilo Cabral (PSB), com 8%. Os quatro candidatos continuam empatados tecnicamente no limite da margem de erro, que é de três pontos percentuais para mais ou para menos.

Raquel e Anderson tiveram um crescimento de 1%, Miguel se manteve com o mesmo percentual e Danilo aumentou 2% nas intenções de voto, o que indica um cenário estável na disputa pelo governo estadual.

A pesquisa ouviu 1.200 pessoas entre os dias 27 e 29 de agosto em 51 municípios. A margem de erro é de três pontos percentuais para mais ou para menos, considerando um nível de confiança de 95%. A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o código BR08477/2022.

G1 PE

Nova pesquisa do Ipec sobre a disputa pela presidência será divulgada nesta segunda

O grupo Globo divulga nesta segunda (29) pesquisa de intenção de instituto Ipec sobre a disputa pela Presidência da República.

A segunda pesquisa do instituto desde a oficialização das candidaturas a presidente será divulgada à partir das 20h30, no Jornal Nacional. O portal G1 e a GloboNews publicam o resultado completo em seguida, com análise de comentaristas políticos.

Também serão divulgados resultados das primeiras pesquisas sobre as disputas pelos governos do Acre, da Paraíba e de Roraima.

Lula e Bolsonaro decidem participar do debate da Band

Os candidatos à presidência Jair Bolsonaro (PL) e Luiz Inácio Lula da Silva (PT) confirmaram presença no debate que será promovido neste domingo (28) por um pool de veículos formado pelo Grupo Bandeirantes, TV Cultura, UOL e Folha de São Paulo.

O debate ocorre a partir das 21h e será exibido ao vivo na TV aberta por Band e Cultura, nas rádios BandNewsFM e Bandeirantes, nos canais por assinatura BandNews, Terraviva e AgroMais, nos sites do UOL e da Folha de São Paulo e também no Youtube.

Ciro Gomes (PDT), Simone Tebet (PMDB), Felipe D’Avila (Novo) e Soraya Thronicke (União Brasil) também devem comparecer.

Anvisa aprova importação de vacina contra varíola dos macacos

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou na sexta (25) a dispensa de registro para que o Ministério da Saúde importe e utilize no Brasil uma vacina contra a varíola dos macacos. Em outra decisão, a agência autorizou a dispensa de registro para importação e uso de um medicamento para tratamento da mesma doença.

No caso da vacina, a autorização se aplica à Jynneos (EUA) ou Imvanex (EMA), vacina contra varíola e monkeypox, vírus vaccínia modificado, cepa Ankara. Apesar de ser o mesmo produto, o imunizante possui nomes diferentes nos Estados Unidos e na Europa. A vacina da empresa Bavarian Nordic A/S é fabricada na Dinamarca e na Alemanha.

Sobre a autorização do antiviral, a Anvisa destacou que ela se aplica ao medicamento Tecovirimat, concentração de 200 mg, na forma farmacêutica cápsula dura, uso oral, prazo de validade de 84 meses e indicado para o tratamento de doenças causadas pelo Orthopoxvirus em adultos, adolescentes e crianças com peso mínimo de 13 kg.

Miguel Coelho inaugura comitê de campanha no Recife

O Bairro da Madalena, na Zona Norte do Recife, se pintou de azul na noite de sexta (26). Em um ato político que reuniu um grande público, o candidato a governador Miguel Coelho inaugurou o comitê oficial de campanha, localizado na Avenida Visconde de Albuquerque.

O evento reuniu gente de diferentes faixas etárias, raças e ideologias. Acompanhado da vice Alessandra Vieira e do candidato ao senado, Carlos Andrade, Miguel deixou para sua militância uma mensagem de motivação para o início da campanha. O ex-prefeito de Petrolina destacou que a caminhada das eleições ganhou volume a partir do início da propaganda eleitoral no rádio e TV. Ainda ressaltou que o primeiro debate entre os postulantes mostrou quem está disposto a debater Pernambuco.

“Foi o primeiro debate entre os candidatos, ou pelo menos entre aqueles que foram, que não fugiram do encontro. Ficou muito claro que tem gente que é candidato oco, vazio”, disse Miguel. “Tem gente que não tem mais o que apresentar e que está com vergonha de falar o governador que representa, como esse que é o pior governo da história do nosso estado, que tenta se esconder atrás da história da política nacional”, pontuou.  

“Os últimos cinco anos que Petrolina se transformou foram apenas um gostinho do que Pernambuco pode sentir. Se vocês acham que eu trabalhei pela minha cidade é porque não viram o que eu vou fazer pelo meu estado a partir do próximo ano. Quem está desiludido com a aposta que fizeram lá atrás e buscando uma luz, nosso coração está aberto. Vamos à vitória”, completou Miguel.

Vários candidatos a deputados estaduais e federais da coligação “Pernambuco com força de novo” prestigiaram a inauguração. O senador Fernando Bezerra, prefeitos, ex-prefeitos, vereadores, ex-vereadores e lideranças do estado também participaram.

Promotoria denuncia João Raimundo Vieira por feminicídio contra Renata Alves 

Nesta sexta (26), a 52ª Promotoria de Justiça Criminal da Capital denunciou João Raimundo Vieira da Silva de Araújo por feminicídio contra Renata Alves Costa. Ela foi encontrada morta com um tiro na testa, no dia 7 de agosto, no apartamento em que morava, em Campo Grande, na Zona Norte do Recife. O acusado viveu um relacionamento com a vítima por cerca de seis meses.  Ele foi preso no dia 9 de agosto no Aeroporto de Natal, no Rio Grande do Norte. 

A denúncia foi distribuída para a 1ª Vara do Tribunal do Júri da Capital. Caso a Justiça concorde com os argumentos da Promotoria e decida julgar o acusado por feminicídio, o homem pode pegar uma pena de 15 a 30 anos se for culpado pelo crime. 

Paraibano e psicólogo, João Raimundo Vieira da Silva de Araújo conheceu a vítima por meio de um aplicativo de relacionamento. Investigações apontam que o casal vivia um contexto de violência doméstica, com discussões mesmo na semana anterior ao crime. De acordo com a Polícia Civil o crime teria sido praticado na noite do sábado (6).

Em depoimento, João Raimundo alegou que o tiro foi um acidente. Contudo, o inquérito realizado pela Polícia Civil de Pernambuco concluiu que o disparo que atingiu Renata não foi acidental. 

“Renata foi assassinada covardemente. O indiciado alega em seu interrogatório que estava fazendo uma demonstração do uso da arma, mostrando para a vítima, e que houve um disparo acidental na hora em que ele iria desarmar o gatilho. Ficou comprovado pela perícia tanatoscópica que foi um tiro a curta distância, e a tão curta distância devido à zona de pólvora, que se ele estivesse realmente ensinando ou demonstrando algo a ela, ela sequer iria ver”, informou o delegado responsável pela investigação, Roberto Lobo, titular da 2ª Delegacia de Homicídios. 

Folha de Pernambuco

Aneel mantém bandeira tarifária verde para o mês de setembro

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) manteve a bandeira verde em setembro para todos os consumidores conectados ao Sistema Interligado Nacional (SIN). Com a decisão, não haverá cobrança extra na conta de luz pelo quinto mês seguido.

A conta de luz está sem essas taxas desde o fim da bandeira de escassez hídrica, que durou de setembro de 2021 até meados de abril deste ano. Segundo a Aneel, na ocasião, a bandeira verde foi escolhida devido às condições favoráveis de geração de energia.

Caso houvesse a instituição das outras bandeiras, a conta de luz refletiria o reajuste de até 64% das bandeiras tarifárias aprovado no fim de junho pela Aneel. Segundo a agência, os aumentos refletiram a inflação e o maior custo das usinas termelétricas neste ano, decorrente do encarecimento do petróleo e do gás natural nos últimos meses.

Agência Brasil

Miguel foca em propostas para Pernambuco durante debate

No primeiro debate eleitoral entre os candidatos a governador, Miguel Coelho, do União Brasil, apresentou as propostas para enfrentar os principais problemas do estado, como desemprego, pobreza, saneamento e abastecimento de água.

“Se o Brasil está ruim, Pernambuco está muito pior. O problema de Pernambuco é falta de comando e liderança. Pernambuco não tem um governador com atitude, vontade de fazer e humildade para governar com qualquer presidente que seja. Precisamos de um governador independente, que tenha liderança e postura, e que esteja à altura do nosso tamanho. Enquanto prefeito, transformamos Petrolina na melhor cidade do Nordeste e uma inspiração para Pernambuco. Quero trabalhar ao lado do povo para ser o melhor governador da história de Pernambuco”, disse Miguel.

O candidato do União Brasil renovou o compromisso com a descentralização da saúde a partir da construção de cinco novos hospitais e oito maternidades, e com a implantação de 12 centros de diagnóstico. “Um dos pilares de nossa proposta para a saúde é a atenção primária, porque é onde tudo começa. Pernambuco é o pior estado em atenção básica. A nossa proposta é construir 12 centros de diagnósticos em todas as regiões do estado. Como prefeito de Petrolina, abrimos 25 novos postos de saúde e elevamos a cobertura da atenção para 95%. Isso faz de Petrolina a melhor atenção básica de Pernambuco, a segunda do Nordeste e a oitava do Brasil, segundo dados do governo federal”, afirmou.

Para tirar Pernambuco do mapa da fome e do desemprego, Miguel afirmou que vai criar um programa social no valor de R$ 300,00 mensais com cursos de capacitação profissional. Além disso, vai isentar do pagamento do IPVA os carros com mais de dez anos e as motos de até 160 cilindradas e do pagamento do ICMS aqueles as micro e pequenas empresas que faturam até R$ 100 mil por ano.

Propaganda eleitoral na TV e no rádio começa nesta sexta

A propaganda eleitoral gratuita em rádio e TV para os candidatos nas eleições deste ano começa nesta sexta (26).

O primeiro dia terá candidatos a governador, deputado estadual e senador. No sábado (27), será a vez dos candidatos a presidente da República e a deputado federal.

No primeiro turno, os conteúdos serão veiculados até o dia 29 de setembro. Para as disputas que forem ao segundo turno, a transmissão da propaganda ocorrerá entre os dias 7 e 28 de outubro.

A distribuição de tempo ao qual cada candidato e partido tem direito leva em consideração o tamanho das bancadas eleitas pelas siglas na Câmara dos Deputados em 2018.

Bolsonaro decide não participar de debates no primeiro turno

O presidente Jair Bolsonaro (PL) não comparecerá a nenhum debate no primeiro turno. As emissoras de televisão estão sendo informadas da decisão pela assessoria do candidato à reeleição. A informação é do Antagonista.

O núcleo da campanha do presidente entende que neste o momento os debates seriam úteis somente para os concorrentes. Ainda acredita que Bolsonaro está crescendo nas pesquisas e que o ex-presidente Lula (PT) teria estagnado.

Também foi levado em consideração o início da campanha na televisão e no rádio e a crença em um contingente de eleitores que ainda não declararam voto publicamente.

Senado abre concurso público com 22 vagas de nível superior

O Senado Federal publicou, no Diário Oficial da União desta terça (23), edital de abertura de concurso público com 22 vagas imediatas de nível superior. Os salários variam e podem chegar a R$ 33.461,68.

Há oportunidades para advogado (1); consultor, para assessoramento legislativo e em orçamento (2); técnico legislativo, para policial legislativo (7); analista legislativo, para registro e redação parlamentar (1); e analista legislativo, para as especialidades Administração, Arquivologia, Assistência Social, Contabilidade, Enfermagem, Engenharia Eletrônica e Telecomunicações e Engenharia do Trabalho (11).

As inscrições seguem abertas até o dia 21 de setembro no site da FGV. O processo seletivo ocorrerá em novembro, por meio de provas objetiva e discursiva realizadas em todas as capitais do País. As demais fases serão em Brasília.

Moraes determina buscas em endereços de empresários por supostas mensagens golpistas

G1

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou que a Polícia Federal cumpra mandados de busca e apreensão em endereços de oito empresários que compartilharam mensagens golpistas em um grupo de uma rede social.

Os mandados estão sendo cumpridos nesta terça (23) nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Ceará.

Mensagens reveladas pelo site “Metrópoles” mostram que empresários apoiadores do presidente Jair Bolsonaro passaram a defender um golpe de Estado caso Lula vença as eleições de outubro, derrotando o atual presidente.

Os alvos da operação são Afrânio Barreira Filho (Coco Bambu), Ivan Wrobel (W3 Engenharia), José Isaac Peres (Multiplan), José Koury, Luciano Hang (Havan), Luiz André Tissot (Sierra), Marco Aurélio Raymundo (Mormaii) e Meyer Joseph Nigri (Tecnisa).

Miguel promete levar saneamento para 50% da população em quatro anos

Defensor da reestruturação da Compesa, o candidato ao governo Miguel Coelho afirmou nesta segunda (22) que vai aumentar a cobertura de saneamento básico para 50% da população em quatro anos. Hoje, apenas 18% dos pernambucanos têm acesso aos serviços de coleta e tratamento de esgoto, ou seja, mais de 7 milhões de moradores estão convivendo com dejetos.

A meta, segundo Miguel, é garantir que pelo menos metade da população tenha rede de esgoto e água na torneira todos os dias. Para isso, o candidato pensa em reestruturar a Compesa por meio de uma parceria público-privada, compromisso já estabelecido no programa de governo do candidato do União Brasil.

“Pernambuco só tem 18% da população com saneamento básico na porta de casa. Nossa meta é chegar a pelo menos 50% e, depois, universalizar. Nosso plano de governo está muito detalhado, muito bem escrito. Nos demos o trabalho de fazer conta e compromisso que pode ser honrado para que a gente possa respeitar o voto e a confiança do eleitor”, disse o candidato do União Brasil em entrevista à rádio Tabocas, de Vitória de Santo Antão.

Miguel ainda explicou que a concessão da Compesa vai permitir novos investimentos para ampliar o abastecimento de água em Pernambuco, pondo fim ao rodízio e ao racionamento que atingem todas as regiões. “A única coisa que a Compesa sabe fazer bem é cobrar conta de água. Porque falta água todo mês nas nossas casas, no Recife, em Vitória, no Agreste, na Mata e no Sertão, sem nenhuma exceção. Então, nós vamos fazer a concessão da Compesa para que a gente possa angariar investimentos para construir hospitais e escolas, duplicar estradas, investir na polícia e garantir a universalização do abastecimento de água nos primeiros quatro anos do nosso mandato”, concluiu.

Rolar para o topo