Distribuição de sementes beneficia 23.833 agricultores do Araripe

Os agricultores da Região de Araripina começam a receber as sementes do Programa Campo Novo, do Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA), órgão vinculado à Secretaria de Desenvolvimento Agrário de Pernambuco (SDA), nesta terça (25). O presidente da instituição, Kaio Maniçoba, e o secretário de Desenvolvimento Agrário, Claudiano Martins, realizam a primeira entrega às 10h, no Auditório do Colégio CERU, em Araripina.

Na ocasião, será realizada a entrega de títulos de posse aos agricultores locais, emitido pelo Iterpe e será lançamento do Programa Peixe para Todo. Serão distribuídos 100 mil alevinos para as famílias agricultoras. “São ações diversificadas a fim de garantir a geração de renda e qualidade de vida para a população da Zona Rural”, afirma o presidente do IPA, Kaio Maniçoba.

No total, foram investidos R$ 1.716.000,00 a fim de contemplar 23.833 agricultores familiares de 10 municípios, ligados a Gerência Regional do IPA, em Araripina. São eles: Bodocó (23.800), Exu (13.000), Araripina (25.000), Granito (6.500), Ipubi (9.400), Moreilândia (5.900), Ouricuri (25.600), Santa Cruz (14.000), Santa Filomena (14.000), Trindade (5.800).

Para 2022, adquirimos mais de R$ 13 milhões, o triplo do orçamento anterior. Um recorde, já que é o maior valor dos últimos 10 anos”, destaca Kaio. Nessa primeira etapa, serão 491.640 quilos de sementes de milho e sorgo forrageiro, alcançando 81.940 agricultores familiares do Sertão do Araripe, Pajeú, São Francisco, Itaparica, Central e Moxotó. A próxima etapa vai contemplar os agricultores do Agreste.

Criado em 2019, o Programa Campo Novo, do Governo de Pernambuco, tem como objetivo apoiar o desenvolvimento rural de Pernambuco, por meio do fortalecimento da agricultura e da elevação da qualidade e eficiência da produção agrícola e do combate à pobreza rural.

“O foco é a distribuição das sementes para os agricultores familiares exatamente no início da quadra chuvosa, permitindo o plantio durante esse período no Semiárido do Estado”, explica Kaio. As sementes distribuídas são selecionadas a fim de atender às necessidades dos agricultores e às condições de solo e clima de cada região de desenvolvimento.

“Mesmo diante da pandemia, o Governo de Pernambuco e a SDA mantêm o compromisso de apoiar a Agricultura Familiar, ampliando a distribuição de sementes, observando as normas de segurança sanitária e garantindo que a população rural esteja preparada para o plantio, assegurando qualidade de vida e renda para o campo”, afirma o secretário de Desenvolvimento Agrário, Claudiano Filho.

Ele reforça ainda a importância dessa ação, já que o programa fortalece o setor e eleva a qualidade de vida da Zona Rural. “ Além disso, a Agricultura Familiar é a maior produtora de alimentos básicos para o nosso estado e as sementes distribuídas no Programa Campo Novo desempenham um papel importante e fundamental para garantir aos agricultores familiares uma fonte de recurso genético de alta qualidade genética e com característica de adaptação às condições locais”, destaca o secretário de Desenvolvimento Agrário Claudiano Martins.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.