Governo de Pernambuco lança plano de incentivo para uso do GNV

Em um momento de alta recorde no preço dos combustíveis, o Governo do Estado, por meio da Agência de Empreendedorismo de Pernambuco (AGE) e da Companhia Pernambucana de Gás (Copergás), lançou, nesta quarta (10), um plano para incentivar o uso do gás natural veicular (GNV).

O “pacote” inclui uma linha de crédito especial, o CredAGE Kit Gás, um voucher de R$ 100 para abastecimento e desconto de 5% nas conversões. As medidas visam beneficiar motoristas de táxi e de aplicativos de transporte, além de profissionais autônomos que utilizam seus veículos profissionalmente.

Na linha de crédito CredAGE Kit Gás, operada pela AGE, o valor do financiamento é de até R$ 8 mil por beneficiado, em função da análise de crédito e da capacidade de pagamento do interessado, com taxa de juros de 0,99% ao mês para quem pagar as parcelas em dia e receber o bônus de adimplência. Já o prazo de pagamento é de 24 meses – condições mais vantajosas do que as oferecidas pelo mercado.

“Esta é mais uma ação do Plano Retomada em que duas empresas controladas pelo Governo de Pernambuco lançam um programa voltado à melhoria da renda das pessoas que utilizam o veículo para seu trabalho. Nosso intuito é justamente minimizar o impacto dos constantes reajustes nos preços dos combustíveis no bolso desses profissionais”, afirmou Márcio Stefanni, diretor-presidente da AGE.

O presidente da Copergás, André Campos, destacou a importância da criação de oportunidades para o uso do GNV por motoristas que utilizam o carro como fonte de renda. “Nesse momento de alta no preço dos combustíveis, o GNV é uma opção que todos têm para economizar custos e garantir renda”, disse. “Sob orientação do governador Paulo Câmara, estamos trabalhando para contribuir com a retomada econômica de Pernambuco e dos pernambucanos”, completou André.

Também estiveram presentes no lançamento, o secretário estadual do Trabalho, Emprego e Qualificação Alberes Lopes; o deputado estadual Antonio Moraes; além de representantes do Sindicato do Comércio Varejista de Combustíveis e de Lubrificantes (Sindicombustíveis) e do Sindicato da Indústria de Reparação de Veículos e Acessórios do Estado de Pernambuco (Sindirepa).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Rolar para o topo