João Paulo Costa comemora continuidade dos eventos privados em Pernambuco

Depois de anunciada a prorrogação das restrições pelo Governo de Pernambuco, o deputado estadual João Paulo Costa comemorou o respaldo da sua defesa do setor de eventos. O parlamentar é uma voz ativa na assembleia legislativa a favor da continuidade dos eventos privados no estado, uma pauta que vem sendo defendida publicamente pelo deputado. A posição, segundo o deputado, tem apoio em dados científicos e econômicos.

“Uma das nossas bandeiras tem sido a defesa desse setor que foi bastante afetado durante a pandemia. Estamos falando de 90 bilhões de reais que o país deixou de arrecadar por conta da paralisação deste setor. Se podemos encontrar formas de realizar esses eventos com segurança, por que não?”, afirmou o deputado.

Com a prorrogação do atual protocolo para mais 15 dias, os eventos privados continuarão acontecendo com capacidade máxima de 3 mil pessoas ou 50% da capacidade do local. Além disso, permanece a exigência do comprovante de vacinação e do teste negativo para covid-19.

“Já tínhamos mencionado publicamente que esses eventos possuem protocolos de segurança que não desrespeitam a saúde da população. A apresentação de teste para covid é um mecanismo de seleção que garante somente a entrada de pessoas saudáveis nesses locais. Podemos sim unir os cuidados com a saúde e a garantia da retomada da vida das pessoas, que dependem desses empregos diretos e indiretos que são gerados pelo setor”, enfatiza João Paulo Costa.

O governo também anunciou um auxílio para 750 grupos, artistas e agremiações que foram contratados pela Empetur e Fundarpe nos últimos carnavais. “Diferente do carnaval privado, o carnaval público é inviável devido à falta de controle sanitário. Não dá para controlar a entrada somente de vacinados e pessoas saudáveis nesses eventos. Portanto, o auxílio vem em boa hora para essas pessoas que dependem da cultura para sobreviver”, afirmou João Paulo Costa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Rolar para o topo