Justiça Eleitoral decreta inelegibilidade de Flávio Marques por abuso de poder político

O candidato a prefeito e ex-secretário de Administração de Tabira, Flávio Marques, está inelegível por oito anos. A decisão, divulgada no final da manhã desta quinta (25), foi proferida pelo Juiz Eleitoral de Tabira, Dr. Jorge William Fredi.

“Ante o exposto, comprovado o abuso do poder político pelos investigados, Julgo Procedente  os pedidos realizados para Decretar a inelegibilidade dos investigados para as eleições que se realizarem no período de oito anos, contados a partir de 15 de novembro de 2020, razão pela qual extingo os processos com resolução do mérito, nos termos do Art.487, I do CPC. No que diz respeito à solicitação formulada na petição ID 54185419, juntada aos autos do processo n. 0600249-65.2020.6.17.0050, acolho o pedido feito pelos requerentes, determinando o levantamento do sigilo do feito em questão, visto que já ultrapassado o período do pleito eleitoral e considerando que o objeto de ambas as ações é de relevante interesse público.”, diz a decisão.

Além de Flávio Marques, a decisão torna inelegíveis o ex-prefeito Sebastião Dias e o ex-candidato a vice-prefeito Aldo Santana.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Rolar para o topo