16°C 29°C
Itapetim, PE
Publicidade

Prefeitura do Recife avança com obras de ponte que vai ligar os bairros de Areias e Imbiribeira

Obra conta com investimento de R$ 91 milhões.

09/07/2024 às 17h03
Por: Euflávio Nunes
Compartilhe:
Prefeitura do Recife avança com obras de ponte que vai ligar os bairros de Areias e Imbiribeira

A Prefeitura do Recife está avançando com as obras da ponte Júlia Santiago, que vai ligar os bairros de Areias e Imbiribeira cruzando o Rio Tejipió, agilizando o fluxo entre as avenidas Recife e Mascarenhas de Moraes. Com extensão total de 2,3 quilômetros, incluindo a construção da ponte com 335 metros de comprimento e o alargamento das avenidas Tapajós e Engenheiro Alves de Souza, vai contar com um investimento de R$ 91 milhões, com recursos de financiamento da Caixa/FGTS e contrapartida municipal de 25%. As obras estão sendo executadas pela Autarquia de Urbanização do Recife (URB).

“A Ponte Júlia Santiago, que está em construção entre os bairros de Areias e Imbiribeira, terá mais de 330 metros de comprimento, contará com 4 faixas de rolamento, passeios e ciclofaixas. Incluirá nas suas obras também o alargamento das avenidas Tapajós e Engenheiro Álvares de Souza. É um investimento de mais de R$ 91 milhões com recursos de financiamento da Caixa e contrapartida do município. As obras estão previstas para conclusão em 2026”, afirmou a secretária de Infraestrutura do Recife, Débora Feijó.

Continua após a publicidade

As obras da ponte Júlia Santiago, a maior construída na capital pernambucana nos últimos 40 anos, foram iniciadas em outubro do ano passado e devem ser finalizadas em 2026. Com 20,4 metros de largura, o equipamento terá quatro faixas de rolamento, duas faixas de passeio e ciclofaixa. As avenidas Tapajós e Engenheiro Alves de Souza serão alargadas para duas faixas de rolamento por sentido, com extensões de respectivamente 908m e 1060m, ganhando também paisagismo e urbanização.

Para Eduardo Costa Cabral, 33 anos, morador do bairro de Areias, a ponte irá facilitar o dia a dia de quem precisa se deslocar até o bairro da Imbiribeira. “Essa obra irá melhorar muito a locomoção de todos por aqui, principalmente, para quem trabalha e precisa ir todos os dias para a Imbiribeira ou Boa Viagem, por exemplo. Também iremos trafegar mais rapidamente”, comentou Eduardo.

Nesse momento, além da estrutura para a execução das fundações da ponte, estão sendo feitos os serviços de embutimento da rede de telecomunicações, melhorias nas redes de drenagem e o remanejamento da água e esgoto no lado da Imbiribeira. Os trabalhos também vão contemplar a implantação de ciclofaixa bidirecional, 13 novos abrigos de ônibus, melhorias na iluminação pública, além da requalificação dos passeios em concreto e piso intertravado, e o plantio de 350 árvores. Após a conclusão da ponte, com a colocação dos encontros e rampas, será realizada a urbanização das vias.

As vias de articulação ligarão as proximidades da Lagoa do Araçá, na Imbiribeira, com a avenida Recife, na altura do Conjunto Residencial Ignez Andreazza, em Areias. O objetivo é garantir a conectividade entre os corredores e a integração com diversos modos de transporte, melhorando a mobilidade urbana na região. Estudos que embasam o projeto mostram uma redução de 40% no tempo de deslocamento na região após a construção da ponte. Numa estimativa feita do tempo de uma viagem entre a Universidade Salgado de Oliveira (Universo) e o Conjunto Residencial Ignez Andreazza, por exemplo, a redução média da distância percorrida vai ser de 42%.

A intervenção faz parte de um projeto macro de melhorias na mobilidade da região, que inclui também a implantação do binário na Avenida Jean Émile Favre, em fase de finalização, que também vai melhorar a ligação entre as avenidas Recife e Marechal Mascarenhas de Moraes.

A ponte nomeada Júlia Santiago homenageia a primeira vereadora do Recife, eleita em 1947. Nascida em São Lourenço da Mata, trabalhou em uma fábrica têxtil, participou da fundação do Sindicato da Fiação e Tecelagem de Pernambuco e foi essencial na luta em defesa dos direitos dos trabalhadores. Mais tarde, durante a Ditadura Militar, lutou ativamente em defesa da democracia.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Recife - PE
Sobre o município
Página em atualização
Ver notícias
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Lenium - Criar site de notícias