Pernambuco registra menor número de roubos em mais de 7 anos

Os 3.773 Crimes Violentos contra o Patrimônio (CVPs) registrados em abril de 2020 representam o quantitativo mais baixo de ocorrências do tipo no Estado desde fevereiro de 2013, há 86 meses. Em comparação com abril de 2019, a queda é de 47%. O Estado completou, dessa forma, 32 meses consecutivos de redução dessa modalidade criminosa. O Recife apresentou a maior redução entre as cidades, com -51,65%, e teve o menor número de delitos em 9 anos.

Em meio ao isolamento social acarretado pela COVID-19, Pernambuco terminou abril com o mais baixo patamar mensal de roubos em 86 meses. Nos últimos 7 anos e dois meses, os 3.773 Crimes Violentos contra o Patrimônio (CVPs) registrados no quarto mês de 2020 foram superiores apenas a fevereiro de 2013, com 3.741 ocorrências. A queda é de 47% se comparado com 2019, quando se contabilizaram 7.118 crimes do tipo. Os números já vinham recuando mensalmente, em comparação com ano anterior, desde setembro de 2017. Nesses últimos 32 meses de retração, maior sequência da história do Pacto pela Vida, houve uma diminuição de 54.245 roubos em confrontação ao mesmo período que o precedeu.

“O Governo de Pernambuco, através da Secretaria de Defesa Social (SDS), tem reforçado o investimento na segurança pública ano a ano, chegando atualmente a ultrapassar a marca de R$ 5 bilhões. Por essa razão, foi possível nomear, desde 2015, 6.800 novos servidores para as Polícias Militar, Civil, Científica e Corpo de Bombeiros Militar, além de investir em inteligência e na abertura de novos batalhões, delegacias e demais unidades”, disse o secretário de Defesa Social, Antonio de Pádua.

Deixe uma resposta