Prefeito de Afogados diz ter certeza de que mais pessoas estão envolvidas em erro com vacinas

O prefeito Sandrinho Palmeira disse em entrevista ao Debate das Dez da Rádio Pajeú ter convicção de que não há apenas uma pessoa responsável pelo erro que gerou a aplicação de 41 doses adultas em crianças.

Segundo o gestor, o caminho do lote de vacinas adultas teve a profissional Audenice Souza, a Audenice do Mandacaru na ponta, mas tem certeza que o processo passou por outras profissionais.  “É preciso investigar, pois, ela não errou sozinha”. A fala coincide com o que colocou a própria Audenice subliminarmente ao assumir o erro, quando disse que “seu erro foi confiar nas pessoas”.

O prefeito garantiu que o processo disciplinar será imparcial. “Um ponto que deve ser considerado é que ela também assumiu o erro. Quando alguém socorre a vítima que atropelou, isso conta a favor”, destacou. Até agora, outros nomes não foram divulgados.

O prefeito  confirmou não haver a menor possibilidade de exoneração do Secretário Arthur Amorim. Diz que a história de nove anos do secretário na pasta provam sua doação à saúde no município, inclusive no enfrentamento da pandemia. Apesar de considerar a condução de Arhur um erro no episódio, ele diz que não vê motivos para a saída do secretário.

Blog do Nill Júnior

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.