Supremo condena o deputado federal Daniel Silveira

Por 9 votos a 2, o STF condenou o deputado federal Daniel Silveira (PTB) a 8 anos e 9 meses de prisão pelos crimes de tentativa de impedir o livre exercício dos Poderes e coação no curso do processo. 

Com a decisão, Silveira também foi apenado com a perda do mandato e a suspensão dos direitos políticos, bem como foi multado em cerca de R$ 200 mil.

As penas não serão cumpridas imediatamente porque ainda cabe recurso, no entanto o deputado já pode ser enquadrado na Lei da Ficha Limpa em uma eventual tentativa de se candidatar às eleições de outubro. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.